fbpx

Água de Monchique, elixir para viver melhor

Se quer ter boa saúde e viver durante mais tempo, o segredo é beber água de Monchique. Dito assim é muito redutor e até parece um slogan, mas a verdade é que esta água tem propriedades muito benéficas para o corpo. E não somos só nos que acreditamos nisto, os romanos também já conheciam as benfeitorias no seu tempo.

Bicarbonatada, sódica, rica em flúor, a água de Monchique tem um pH de 9,4 e é por isso mais alcanina do País. O pH médio do sangue humano é de 7,37, mas com o desgaste da condição humana e o consequente envelhecimento e os fatores adversos, vai-se tornando mais ácido. Ingerir água de Monchique ajuda o organismo a manter o equilíbrio constante, contribui para recuperar a vitalidade e retarda os sinais associados ao envelhecimento.

Além destes, a água de Monchique tem outros benefícios para a saúde reconhecidos ao nível do funcionamento do aparelho urinário, da prevenção da cárie dentária e da formação e consolidação dos ossos. Tem ainda propriedades benéficas para o sistema digestivo, aumenta a proteção antioxidante, ajuda as defesas e hidrata a pele e o cabelo.

As primeiras análises feitas a esta água datam de 1789, mas já os romanos lhe conheciam as propriedades das águas de Monchique, que denominavam por “sagradas”. A importância dada era tal que construíram um balneário na zona e bebiam-na como se de uma ‘poção mágica’ se tratasse. Porque além da ingestão, esta água é também usada nas termas, por ser benéfica para o tratamento de afeções respiratórias e músculo-esqueléticas e ainda em tratamentos de beleza.

Não é por acaso que as suas termas, de onde a água sai a 32º graus, são muito procuradas. Atualmente, boa parte da produção da água de Monchique é exportada como um produto gourmet devido às suas propriedades, principalmente para a China, Macau e Hong Kong.

Leave a comment

X