fbpx

Sky explica no Algarve porque é uma equipa demolidora

Michael Kwiatkowski voltou este domingo a provar que domina as estradas algarvias. O ciclista polaco da Sky conquistou pela segunda vez a Volta ao Algarve, na chegada ao Alto do Malhão, Loulé, onde terminou a corrida.

Antes da saída de Faro, o ciclista polaco tinha à sua frente o colega de equipa Geraint Thomas, que já conquistou a Volta ao Algarve em 2015 e 2016, com menos 19 segundos. Mas Kwiatkowski teve carta branca da equipa britânica para atacar e impôs-se na última subida, vencendo ao português Ruben Guerreiro (Trek-Segafredo) e ao belga Serge Pauwels (Dimension Data).

No final dos mais de 173kms da etapa de hoje e no cômputo geral da Volta, o polaco finalizou com 1.31 minutos de avanço sobre o colega Thomas e 2.16 minutos para o norte-americano Tejay van Garderen (BMC). Com os dois primeiros lugares do pódio, a Sky voltou a mostrar porque é uma das mais fortes do mundo.

Nelson Oliveira (Movistar) que à partida tinha 49 segundos de diferença para o 1º lugar da geral, acabou por ceder e terminar a 2.54 minutos na 10ª posição. Ainda assim, foi o melhor português.

Leave a comment

X