fbpx

Mais portugueses visitam Algarve no outono

Há mais portugueses a preferir o outono para uma visita ao Algarve. A conclusão é retirada dos mais recentes dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) que dão conta de um aumento de hóspedes e dormidas em outubro, muito por conta das preferências dos turistas nacionais.

Escolha quem o pode ajudar na nossa plataforma

Em outubro, a hotelaria do Algarve registou quase 400 mil hóspedes e 1,8 milhões de dormidas, o que corresponde a variações homólogas de 5,5% e 4,8% respetivamente. Os mercados externos foram responsáveis por uma subida de 3,3%, mas os portugueses alavancaram a hotelaria com uma subida de 17,8%.

Em outubro as dormidas concentram-se essencialmente no Algarve, com a região a assumir um peso de 33,5% no contexto nacional”, assinala Desidério Silva, presidente da Região de Turismo do Algarve (RTA), salientando que o “mercado interno cresceu como há muito já não se via e muito acima dos mercados externos”.

No cômputo geral dos dez primeiros meses do ano, os hotéis receberam um total de 3,8 milhões de hóspedes que são responsáveis por 17,9 milhões de dormidas. Em relação a 2016, estes números representam aumentos de 4,9% e 5,4%, respetivamente. Para Desidério Silva, “pode vir aí mais um ano recorde, fruto do excelente trabalho que os parceiros privados e públicos do setor estão a desenvolver no destino”.

 Siga-nos no Facebook.

Outubro foi também um mês bom para o golfe e para o serviço aeroportuário. Os campos algarvios ultrapassaram as 170 mil voltas, num aumento de 6% em relação ao ano anterior. Também neste mês, o aeroporto de Faro movimentou mais 8,5% de passageiros e acumula um crescimento de 15,4% nos dez primeiros meses de 2017, em comparação com o ano transato.

Leave a comment

X