fbpx

Faro pode vir a ter um novo museu

Faro pretende ter um novo museu dedicado à imprensa. A intenção parte da Diocese do Algarve e da Câmara de Faro que estão a estudar a possibilidade de criação do espaço cultural na antiga Tipografia União.

A ideia surge na altura da apresentação do núcleo museológico ligado à edição do ‘Pentateuco’, o primeiro livro a ser imprenso em Portugal, pela Fundação Portuguesa das Comunicações. “Só unindo esforços é que conseguimos levar para a frente esta iniciativa de preservar aquilo que herdámos”, afirmou D. Manuel Quintas, bispo do Algarve, acentuando a importância de facilitar a abertura do espaço a escolas e não só à cultura e turismo.

A criação do novo museu de imprensa na antiga Tipografia União é ainda motivada pelo espólio existente no local. “Temos lá máquinas que me disseram ser únicas em Portugal, ligadas à impressão da ‘Folha de Domingo’. É um espaço que precisa de investimento para ser recuperado”, afirmou ainda D. Manuel Quintas.

O novo espaço museológico, anunciado no Seminário de São José, em Faro, na apresentação de uma reedição ‘fac-simile’ do primeiro livro editado em Portugal, deverá ficar instalado na antiga capela do Paço Episcopal, que já antes recebeu diversas exposições.

Para este espaço, o presidente da Fundação Portuguesa das Comunicações garantiu ainda “o compromisso de ceder a título de empréstimo, por um temo que venha a ser considerado” a réplica do prelo de Gutenberg, que faz parte do acervo desta entidade. Luís de Andrade ofereceu ainda ao espaço publicações relacionadas com a história da comunicações e a cronologia da escrita da Antiguidade, Idade Média e Idade Moderna.

Comments (2)

Leave a comment

X