fbpx

Décadas algarvias de 60 e 70 revisitadas em fotografias

São fotografias repletas de uma espontaneidade e um humanismo aquelas que retratam as gentes algarvias nas décadas de 60 e 70 do século passado. Ao todo são 63 as imagens que registam momentos da vida quotidiana, que nos ajudam a conhecer melhor aquela época.

As fotografias vão ser publicadas no livro ‘Algarve 63’ e expostas no Parque Municipal do Sítio das Fontes, em Estômbar, e foram recolhidas por Tim Motion. O fotógrafo inglês viveu na Praia do Carvoeiro entre 1962 e 1975 e foi nesse tempo que registou a vida dos seus vizinhos da época.

A preto e branco, Tim Motion registou momentos da vida quotidiana com um olhar quase neorrealista. “São imagens com uma espontaneidade e humanismo absolutamente cativantes, só passíveis de serem registadas por quem estava muito próximo das gentes algarvias”, sublinha Nuno de Santos Loureiro, curador da obra.

Timothy Motion já havia recolhido imagens para o livro ‘Algarve, a Portrait and a Guide’, publicado em 1965 apenas em inglês, como guia turístico, numa altura em que o turismo ainda dava os primeiros passados no Algarve.

Em ‘Algarve 63′, Tim recorda algumas dessas memórias todas a preto e branco, acompanhadas de textos de vários convidados e do próprio fotógrafo.

Para ver as fotografias pode visitar a exposição de entrada grátis que estará patente de 14 de julho a 16 de setembro, de terça a sábado, entre as 11:00 e as 13:00 e as 14:00 e as 18:00, no Sítio das Fontes.

Leave a comment

X